Av. Nove de Julho 4939 - cj64 - Torre Europa | Jardim Paulista | São Paulo leandro@leandrobrum.com.br

Para se conseguir bons resultados após a cirurgia plástica, alguns fatores devem ser levados em consideração, como habilidade do cirurgião e também os cuidado que o paciente deve ter no pós-operatório. Sim, esse período é extremamente importante e seguir todas as recomendações do médico, aumenta o percentual de sucesso da cirurgia, quase tanto quanto o próprio procedimento em si.

Evitar sol, fazer repouso, ter uma alimentação balanceada são algumas das recomendações e em para determinadas cirurgias como: lipoaspiração, abdominoplastia, inclusão de prótese de silicone, etc., a drenagem linfática é não só recomendada, como fundamental no processo de recuperação. O corpo, após uma cirurgia, sofre alterações e não é capaz de drenar sozinho todo o líquido que se forma no local após o procedimento. Essa reação é normal, visto que o corpo está se recuperando e ocorre um processo inflamatório, porém, deve-se recorrer à drenagem linfática para que esse líquido seja drenado. Os movimentos lentos e rítmicos da técnica, vão auxiliando nesse processo e melhoram muito a dor do paciente.

A drenagem auxilia na redução do inchaço, elimina seromas, reduz hematomas e melhora a circulação, de modo que evita o acúmulo de líquidos e as temidas fibroses. A técnica deve ser executada por fisioterapeutas capacitados e que tenham conhecimento de pós-operatório. O tempo de duração do procedimento é de 40 a 60 min e o número de sessões deve ser indicado pelo profissional e também pelo médico, mas o número mínimo são de 10 sessões.